Cabeçalho

Marca


PALAVRAS DO PAPA BENTO XVI PARA A JUVENTUDE!

PALAVRAS DO PAPA BENTO XVI PARA A JUVENTUDE

Deus, Fonte do Amor - O primeiro momento refere-se à fonte do amor verdadeiro, que é única: é Deus. São João ressalta bem este aspecto ao afirmar que “Deus é amor” (1 Jo 4, 8.16); agora ele não quer dizer apenas que Deus nos ama, mas que o próprio ser de Deus é amor. Estamos aqui diante da revelação mais luminosa da fonte do amor que é o mistério trinitário: em Deus, uno e trino, há um intercâmbio eterno de amor entre as pessoas do Pai e do Filho, e este amor não é uma energia ou um sentimento, mas uma pessoa, é o Espírito Santo.

SAUDAÇÃO INICIAL

QUE DIA É HOJE???

terça-feira, 13 de julho de 2010

ASSUNTO DO DIA 17 DE JULHO DE 2010 - RESUMO: MINHA HISTÓRIA DE FÉ


Antes de darmos início ao nosso assunto, vamos ver o que está escrito em Hebreus 1, 1 – 3 sobre o que seja a Fé! 1. Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. 2. Porque por ela os antigos alcançaram testemunho. 3. Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente. Com esta visão, vamos agora fazer alguns questionamentos:
- O que tenho feito com a minha Fé?
- Como vivi a minha Fé, a partir do meu Batismo?
- Como foi minha trajetória, da minha Primeira Eucaristia, até os dias de hoje em relação a minha Fé?
Após estes questionamentos, podemos averiguar junto a vocês, como foi a Catequese de Iniciação a Eucaristia; o que vocês lembram dela! Será que algum de vocês chegou a participar dos Grupos de Perseverança? Se não, porquê? Saibam que a “porta” de entrada para a Vida Cristã é o Batismo. Ser batizado significa participar da vida, da missão e do destino de Jesus Cristo. Passamos a fazer parte da vida intima da Trindade Santa, porque recebemos a dignidade de Filhos de Deus!
A Eucaristia é a participação continuada ao longo da vida da Páscoa do Senhor, como resposta de adesão ao seguimento de Cristo, e também com o objetivo de assemelhar-se existencialmente sempre mais a ele. Dessa forma, em cada Celebração Eucarística o Cristão oferece a sua vida, como oferenda agradável a Deus, unindo-se a oferta que Cristo faz de Si mesmo ao Pai.

A Fé e o Domingo

A Eucaristia dominical, nos reúne como a Família dos Filhos de Deus na casa do Pai, e marca no Cristão, um estilo de vida pessoal e comunitário. Ofereci-nos a ocasião de renovar a Graça Batismal e de cultivar as atitudes de: otimismo, alegria e confiança na necessidade do Pai. Os Cristãos são convocados pelo Senhor e por seu Espírito para alimentar e discernir sua vida diante da Palavra Proclamada e do Sacrifício de Cristo!
A Assembléia dominical, é o lugar privilegiado de unidade: ali se celebra o sacramento da unidade, do povo reunido “pela” e “na” unidade do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Um domingo sem Assembléia Eucarística, não será um dia do Senhor, é o dia da igreja por excelência. Domingo vem da palavra latina “Dominus”, que quer dizer Senhor; portanto é o dia do Senhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário